1. O Governo ganha à alface, pode não ganhar a uma batata (ou a uma cebola)  Público
  2. Ana Gomes: “Pedro Nunos Santos? Ainda vai correr muita água debaixo das pontes”  SIC Notícias
  3. Portugueses ″demitem″ Medina e a CEO da TAP  Diário de Notícias
  4. O WhatsApp e o futuro de Pedro Nuno - Camilo Lourenço - Jornal de Negócios  Jornal de Negócios
  5. Negacionismo — DNOTICIAS.PT  Diário de Notícias Madeira
  6. Ver cobertura completa no Google Notícias
Pedro Nuno Santos não geriu este processo como um herói de esquerda nem como um vilão esquerdista. Foi um social-democrata da terceira via que acha normal indemnizações deste calibre.Pedro Nuno Santos não geriu este processo como um herói de esquerda nem como um vilão esquerdista. Foi um social-democrata da terceira via que acha normal indemnizações deste calibre.

O Governo ganha à alface, pode não ganhar a uma batata (ou a uma cebola) | Crónica | PÚBLICO

Nesta emissão do comentário de Ana Gomes em podcast, a análise à gestão da TAP e a recente polémica com o ex-ministro das InfraestruturasNesta emissão do comentário de Ana Gomes em podcast, a análise à gestão da TAP e a recente polémica com o ex-ministro das Infraestruturas

Expresso | Ana Gomes: “Pedro Nunos Santos? Ainda vai correr muita água debaixo das pontes”

Pedro Nuno quer ser líder do PS e primeiro-ministro. Mas comete, frequentemente, lapsos que podem matar essa ambição. A forma como conduziu o “affair” TAP é um deles.Pedro Nuno quer ser líder do PS e primeiro-ministro. Mas comete, frequentemente, lapsos que podem matar essa ambição. A forma como conduziu o “affair” TAP é um deles.

O WhatsApp e o futuro de Pedro Nuno - Camilo Lourenço - Jornal de Negócios

Maioria (55%) defende saída do ministro das Finanças. São ainda mais (71%) os que apontam a porta de saída a Christine Ourmières-Widener.Maioria (55%) defende saída do ministro das Finanças. São ainda mais (71%) os que apontam a porta de saída a Christine Ourmières-Widener.

Portugueses ″demitem″ Medina e a CEO da TAP

Líder do PSD sublinhou que a questão política fundamental tem que ver “com o processo de nomeação de uma secretária de Estado em condições que não são normais”.Líder do PSD sublinhou que a questão política fundamental tem que ver “com o processo de nomeação de uma secretária de Estado em condições que não são normais”.

Montenegro insiste que autoridade de Medina está irremediavelmente diminuída – ECO

Montenegro fala em ligeireza que "não confere a autoridade que o ministro das Finanças deve ter". O líder do PSD reforçou que, a ser primeiro-ministro, não quereria troca rápida de membros do governo.Montenegro fala em ligeireza que "não confere a autoridade que o ministro das Finanças deve ter". O líder do PSD reforçou que, a ser primeiro-ministro, não quereria troca rápida de membros do governo.

TAP: Montenegro insiste que autoridade de Medina está irremediavelmente diminuída – Observador

TAP: Montenegro insiste que autoridade de Medina está irremediavelmente diminuída – Observador

O país terminou o ano de 2022 e iniciou o ano de 2023 a assistir ao desmoronar da ética na política, à completa falta de transparência dos decisores políticos e ao esvaziamento da confiança política.O país terminou o ano de 2022 e iniciou o ano de 2023 a assistir ao desmoronar da ética na política, à completa falta de transparência dos decisores políticos e ao esvaziamento da confiança política.

Ética na Política - Semanário de Felgueiras

Na República e na Região há governos com graves problemas de memóriaNa República e na Região há governos com graves problemas de memória

Negacionismo — DNOTICIAS.PT