1. Inflação, juros e novas variantes ameaçam correção na bolsa, alerta CMVM  ECO Economia Online
  2. Inflação e juros podem inverter ganhos no mercado acionista, diz CMVM  Jornal de Negócios
  3. Inflação, juros e ciberataques entre os riscos para 2022  Notícias ao Minuto
  4. Ver cobertura completa no Google Notícias
CMVM alertou para eventuais correções no mercado acionista se inflação alta persistir e os bancos centrais forem mais agressivos na subida dos juros. Novas variantes também preocupam regulador.CMVM alertou para eventuais correções no mercado acionista se inflação alta persistir e os bancos centrais forem mais agressivos na subida dos juros. Novas variantes também preocupam regulador.

Inflação, juros e novas variantes ameaçam correção na bolsa, alerta CMVM – ECO

O supervisor considera que a normalização da política monetária, as pressões inflacionistas, o 'phasing out' de apoios públicos a famílias e empresas e o fim das moratórias serão desafios 'particularmente relevantes' em 2022.O supervisor considera que a normalização da política monetária, as pressões inflacionistas, o 'phasing out' de apoios públicos a famílias e empresas e o fim das moratórias serão desafios 'particularmente relevantes' em 2022.

Inflação e juros podem inverter ganhos no mercado acionista, diz CMVM - Mercados - Jornal de Negócios

O aumento da inflação e das taxas de juro, o surgimento de novas variantes da covid-19 e os ciberataques estão entre os principais riscos para 2022 identificados pela CMVM no "Risk Outlook" publicado hoje. 

Inflação, juros e ciberataques entre os riscos para 2022