1. Bruxelas admite problemas nos certificados de vacina de reforço contra a Covid-19 em Portugal  Observador
  2. Android: Precisa do Certificado Digital COVID sempre à mão? Veja como fazer  Pplware
  3. Covid-19: Bruxelas admite problemas nos certificados de vacina de reforço em Portugal  SIC Notícias
  4. Covid-19: Bruxelas admite problemas com dose de reforço da vacina nos certificados em Portugal  PÚBLICO
  5. Mais de mil milhões de certificados emitidos na UE reconhecidos por 60 países  Observador
  6. Ver cobertura completa no Google Notícias
"Os nossos peritos estão em contacto com as autoridades portuguesas", anuncia a Comissão Europeia depois de queixas que o certificado não atestava a administração da dose de reforço."Os nossos peritos estão em contacto com as autoridades portuguesas", anuncia a Comissão Europeia depois de queixas que o certificado não atestava a administração da dose de reforço.

Bruxelas admite problemas nos certificados de vacina de reforço contra a Covid-19 em Portugal – Observador

Para que tenha o certificado digital de vacinação COVID sempre à mão, hoje deixamos uma pequena dica para os utilizadores Android.Para que tenha o certificado digital de vacinação COVID sempre à mão, hoje deixamos uma pequena dica para os utilizadores Android.

Android: Precisa do Certificado Digital COVID sempre à mão? Veja como fazer - Pplware

Dados de Bruxelas revelam que, até agora, foram emitidos 1,17 mil milhões de certificados na UE, num total de 60 países e territórios dos cinco continentes que já aderiram ao sistema.

Covid-19: Bruxelas admite problemas com emissão de certificados em Portugal - SIC Notícias

Bruxelas admitiu esta quinta-feira que houve problemas, depois de queixas de utilizadores que não conseguiram ter acesso ao certificado que atesta administração da dose de reforço, mas a informação já foi integrada esta semana.Bruxelas admitiu esta quinta-feira que houve problemas, depois de queixas de utilizadores que não conseguiram ter acesso ao certificado que atesta administração da dose de reforço, mas a informação já foi integrada esta semana.

Covid-19: problemas com dose de reforço da vacina nos certificados em Portugal já foram superados | Covid-19 | PÚBLICO

Só em Portugal já foram emitidos mais de 13,7 milhões de certificados digitais, a grande maioria a atestar a vacinação contra a Covid-19.Só em Portugal já foram emitidos mais de 13,7 milhões de certificados digitais, a grande maioria a atestar a vacinação contra a Covid-19.

Mais de mil milhões de certificados emitidos na UE reconhecidos por 60 países – Observador

A Direção-Geral da Saúde recomenda aos viajantes que verifiquem as regras de entrada em vigor no país de destino antes de viajarem.A DGS recomenda aos viajantes que verifiquem as regras de entrada em vigor no país de destino antes de viajarem.

Covid-19: validade dos certificados passa de 6 para 9 meses - SIC Notícias

www.rtp.pt

A Comissão Europeia admitiu hoje existirem problemas em Portugal na emissão de certificados covid-19 da União Europeia (UE) com a informação da dose de reforço da vacina, estando os técnicos da instituição em contacto com as autoridades portuguesas. 

Há problemas nos certificados de vacina de reforço em Portugal

A informação da DGS explica ainda que a dose de reforço administrada após esquema vacinal primário de duas doses é apresentada no certificado como esquema 3/3, após esquema vacinal primário de uma dose é apresentada como esquema 2/1 e nos recuperados da infeção aparece como esquema 3/1

Covid-19: certificados de vacinação já integram doses de reforço e validade passa a 9 meses - Expresso

Mais de 13,7 milhões de certificados digitais emitidos em Portugal. Mais de 13,7 milhões de certificados digitais já foram emitidos em Portugal, a grande maioria a atestar a vacinação contra a Covid-19. A informação foi avançada pelos Serviços Partilhados do Ministério da Saúde (SPMS), que referiu que dos cerca de 13.750.000 certificados emitidos «450.000 são certificados de recuperação [da infeção], 1.200.000 são certificados de testagem com resultado negativo e aproximadamente 12.100.000 correspondem a certificados de vacinação». De acordo com a SPMS foram também disponibilizados cerca de 600.000 certificados digitais incluindo já a dose de reforço da imunização contra o vírus SARS-CoV-2. Também a Direção-Geral da Saúde (DGS) informa que a dose de reforço já foi integrada nos certificados de vacinação, que passam a ter nove meses de validade. De acordo com a informação atualizada pela DGS, a partir de 1 de fevereiro passará a haver, na União Europeia, um prazo de validade com indicação do esquema vacinal primário: 1/1 (para vacinas de dose única ou para quem recuperou da infeção) e 2/2 (para vacinas de duas doses). «Os certificados de vacinação que atestem a conclusão do esquema vacinal primário serão aceites até 270 dias (nove meses) após a data de administração da dose que completou o esquema vacinal primário», indica a informação da DGS, acrescentando que «os certificados de vacinação que atestem a administração de doses de reforço não estarão sujeitos a um período de aceitação». A informação da DGS explica ainda que a dose de reforço administrada após esquema vacinal primário de duas doses é apresentada no certificado como esquema 3/3, após esquema vacinal primário de uma dose é apresentada como esquema 2/1 e nos recuperados da infeção aparece como esquema 3/1. Acrescenta que é possível aceder ao certificado de vacinação com indicação da dose de reforço 14 dias após a data da administração e que durante este período pode ser usado o certificado de vacinação anterior.

Covid-19 | Certificados digitais – SNS

Certificados passam a ter validade de 9 meses.

Covid-19: dose de reforço integrada nos certificados de vacinação - SIC Notícias

A DGS refere que é possível aceder ao certificado de vacinação com indicação da dose de reforço 14 dias após a data da inoculação.A DGS refere que é possível aceder ao certificado de vacinação com indicação da dose de reforço 14 dias após a data da inoculação.

Certificados de vacinação já integram doses de reforço e validade passa a 9 meses

É possível aceder ao certificado de vacinação com indicação da dose de reforço 14 dias após a data da administração. Durante este período pode ser usado o certificado de vacinação anterior.É possível aceder ao certificado de vacinação com indicação da dose de reforço 14 dias após a data da administração. Durante este período pode ser usado o certificado de vacinação anterior.

Covid-19: Certificados já integram reforço e validade passa a 9 meses - Coronavírus - Jornal de Negócios

Dose de reforço integrada e certificado passa a ser válido durante nove meses. Quase 14 milhões de certificados digitais em Portugal.Dose de reforço integrada e certificado passa a ser válido durante nove meses. Quase 14 milhões de certificados digitais em Portugal.

Validade do certificado digital vai mudar em Fevereiro - ZAP Notícias

Todos os certificados de vacinação vão incluir a indicação da toma da dose de reforço até ao final da semana. Segundo os Serviços Partilhados do Ministério da Saúde, 600 mil certificados já incluem a terceira dose. Ainda assim, a maioria continua sem essa atualização.Todos os certificados de vacinação vão incluir a indicação da toma da dose de reforço até ao final da semana. Segundo os Serviços Partilhados do Ministério da Saúde, 600 mil certificados já incluem a terceira dose. Ainda assim, a maioria continua sem essa atualização.

Certificados vão incluir dose de reforço até ao final da semana

Prazo de validade terá indicação do esquema vacinal primário: 1/1 (para vacinas de dose única ou para quem recuperou da infeção) e 2/2 (para vacinas de duas doses).Prazo de validade terá indicação do esquema vacinal primário: 1/1 (para vacinas de dose única ou para quem recuperou da infeção) e 2/2 (para vacinas de duas doses).

Certificados de vacinação Covid-19 já integram doses de reforço e validade passa a 9 meses - Atualidade - Correio da Manhã

Saiba as novas alterações aprovadas esta semana no Parlamento para combater a pandemia.Saiba as novas alterações aprovadas esta semana no Parlamento para combater a pandemia.

Certificado de vacinação no Luxemburgo passa a ter validade de 9 meses

Informação da DGS esta quarta-feira.Informação da DGS esta quarta-feira.

Certificados de vacinação já integram doses de reforço e validade passa a nove meses

Se for viajar, DGS recomenda que verifique as regras de entrada em vigor no país de destinoSe for viajar, DGS recomenda que verifique as regras de entrada em vigor no país de destino

Certificados de vacinação já contam com dose de reforço e validade aumenta para nove meses - CNN Portugal

A dose de reforço já foi integrada nos certificados de vacinação, que passam a ter nove meses de validade, segundo a Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com a informação atualizada pela DGS, a partir de 01 de fevereiro, passará a haver, na União Europeia, um prazo de validade com indicação do esquema vacinal primário: [...]

Certificados de vacinação já integram doses de reforço. Validade passa a 9 meses – Notícias de Coimbra